Uniara pode eliminar Uberlândia

A Uniara/Fundesport espera o apoio maciço da torcida de Araraquara para, nesta sexta-feira, a partir das 20 horas, no Ginásio Gigantão, vencer novamente o Unit/Uberlândia e fechar o playoff da fase quartas-de-final do Campeonato Brasileiro de Basquete Masculino por 3 a 1. Se isso ocorrer, a Uniara estará classificada para a semifinal da competição, revertendo a desvantagem em relação ao adversário. No Ginásio do Tijuca, no Rio, às 20h30, com transmissão pelo Sportv, o Fluminense poderá eliminar o Vasco, do técnico Hélio Rubens Garcia. Se vencer, o Fluminense fará 3 a 1. "Com certeza, o ginásio estará lotado uma hora e meia antes do jogo", diz o otimista técnico da Uniara, João Marcelo Leite. Ele destaca que o time está concentrado para conseguir a vaga nesta sexta-feira, pois um dos objetivos já alcançou: venceu um jogo fora e agora tem a possibilidade de fechar o confronto diante da torcida. Aliás, apesar dos jogos equilibrados, a Uniara quase fechou em 3 a 0 nesta quarta-feira, quando perdeu para o Unit por 92 a 90. Antes, havia vencido, em Araraquara, por 82 a 78, e, fora, por 91 a 87. "Os próprios resultados mostram o equilíbrio do confronto, mas temos a chance única de fechar essa fase em casa, com o apoio da torcida", diz Leite. "Nossa torcida sempre ajudou nos momentos difíceis." Apesar das decisões terem ocorrido nos detalhes, sempre no minuto final, Leite enfatiza a força coletiva da equipe araraquarense, pois sabe que o Uberlândia é forte e fará de tudo para reverter a situação. A cidade foi mobilizada e o apoio será grande. A Uniara tem como destaques o armador Arnaldinho, o ala Jorge e os pivôs Luís Fernando e o veterano Pipoka. Pelo Uberlândia, dirigido por Marco Antonio Aga, o pivô dominicano José Vargas é um dos destaques, ao lado do experiente armador Valtinho.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.