Mark Duncan/AP
Mark Duncan/AP

Varejão joga bem, e Cavaliers derrota Wizards na NBA

Vitória mantém equipe de Cleveland na segunda colocação da Conferência Leste atrás do Celtics

AE, Agencia Estado

07 de janeiro de 2010 | 09h19

O brasileiro Anderson Varejão teve um bom desempenho, e ajudou o Cleveland Cavaliers a vencer o Washington Wizards por 121 a 98, na noite de quarta-feira, pela temporada de 2009/2010 da NBA - a liga profissional norte-americana de basquete.

Veja também:

linkClippers surpreende e vence duelo com Lakers na NBA

O pivô começou a partida no banco e participou de 26 minutos em quadra. Ele marcou 12 pontos, liderou a equipe em rebotes, com oito, e ainda distribuiu três assistências. Varejão também mostrou-se preciso nos lances livres - acertou os seis a que teve direito -, além de converter três dos cinco arremessos de quadra.

O destaque do Cavaliers foi, mais uma vez, o ala LeBron James. Ele jogou apenas nos três primeiros quartos, mas teve tempo suficiente para anotar 23 pontos, oito assistências e sete rebotes. Pelo Wizards, o melhor foi Antawn Jamison, com 26 pontos.

A vitória de quarta-feira foi a 28.ª do Cleveland em 37 partidas na temporada regular. A equipe tem o segundo melhor aproveitamento da Conferência Leste, atrás apenas do Boston Celtics, que chegou à 25.ª vitória em 33 partidas ao vencer o Miami Heat por 112 a 106.

NBA, resultados de 6/1:

Atlanta Hawks 119 x 89 New Jersey Nets

Cleveland Cavaliers 121 x 98 Washington Wizards

Orlando Magic 103 x 108 Toronto Raptors

Miami Heat 106 x 112 Boston Celtics

Minnesota Timberwolves 101 x 107 Golden State Warriors

Oklahoma City Thunder 92 x 97 New Orleans Hornets

San Antonio Spurs 112 x 92 Detroit Pistons

Phoenix Suns 118 x 110 Houston Rockets

Utah Jazz 117 x 94 Memphis Grizzlies

Los Angeles Clippers 102 x 91 Los Angeles Lakers

NBA, jogos de 7/1:

New York Knicks x Charlotte Bobcats

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.