Adam Hunger/Reuters
Adam Hunger/Reuters

Varejão oficializa pedido de dispensa da seleção

Ausência do pivô do Cleveland Cavaliers já era esperada pela CBB

AE, Agência Estado

12 de julho de 2013 | 12h40

RIO - O ala/pivô Anderson Varejão oficializou nesta sexta-feira o seu pedido de dispensa da seleção brasileira de basquete que disputará a Copa América, entre 30 de agosto e 11 de setembro, na Venezuela. Convocado anteriormente pelo técnico Rubén Magnano para defender o Brasil na competição, o jogador do Cleveland Cavaliers agradeceu a convocação, mas disse que lamenta não poder atender ao desejo do treinador de contar com ele por estar se recuperando de uma lesão sofrida no quadríceps da perna direita.

Por consequência da lesão, o atleta amargou o surgimento de dois coágulos, resultando em um quadro de embolia pulmonar. Em razão de tudo isso, a ausência de Varejão na Copa América já era esperada.

A CBB destacou nesta sexta que ele vem realizando fisioterapia, reforço muscular e condicionamento físico, além de treinos leves, sem impacto e sem carga, acompanhado de perto por Henrique Jatobá, médico Comitê Olímpico Brasileiro (COB), que vem informando sobre a situação do atleta à entidade que comanda o basquete nacional.

No seu pedido de dispensa, Varejão enfatizou que não teria "condições mínimas de treinamento" para a Copa América, por ainda estar em um processo inicial de recuperação depois de ter sido submetido, em janeiro, a uma operação no quadríceps da perna direita.

Na última segunda-feira, o pivô Nenê, do Washington Wizards, também oficializou o seu pedido de dispensa da seleção que jogará a Copa América. Para justificar a sua ausência após ser convocado por Magnano, ele exibiu um laudo médico no qual ficou constatado um problema no joelho direito e uma outra lesão no pé esquerdo, que o impediriam de voltar às quadras até o fim de setembro.

Com a confirmação da ausência de Varejão, o Brasil deverá ficar sem seus quatro principais jogadores em atividade na NBA. Além dele e Nenê, Tiago Splitter já havia oficializado o pedido de dispensa da seleção por conta da desgastante temporada com o San Antonio Spurs, derrotado na final pelo Miami Heat. Já Leandrinho, que teve seu contrato com o Wizards encerrado ao fim da última temporada, se recupera de problemas físicos e também devem ser cortado em breve.

Dos jogadores brasileiros na NBA, apenas Scott Machado, Raulzinho e Lucas Bebê - estes últimos dois escolhidos no último Draft - seguem na lista de convocados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.