Varejão passa por novos exames em seu tornozelo esquerdo

Brasileiro ainda não sabe a gravidade da entorse sofrida no tornozelo esquerdo, diante dos Lakers

29 de janeiro de 2008 | 14h33

Ao que parece, a entorse no tornozelo esquerdo do pivô brasileiro Anderson Varejão é mais séria do que se pensava. Depois de descartar qualquer fratura, a equipe médica do time de Cleveland revelou que o exame de ressonância magnética, realizado na segunda-feira, constatou uma lesão além da entorse. Desta forma, Varejão passará por mais testes, na cidade de Cleveland, antes de ter um diagnóstico conclusivo. Por precaução, o técnico Mike Brown já o descartou para os jogos diante do Portland Trail Blazers, nesta quarta-feira, e possivelmente para o empate diante do Seattle Supersonics, na quinta.Desde que voltou ao Cleveland, após o impasse que durou mais de cinco meses, Varejão tem sido fundamental na recuperação da equipe, sendo o melhor reboteiro entre os reservas da NBA, com média de 8,5 rebotes por jogo. Além disso, Andy, como Varejão é chamado nos Estados Unidos, tem médias de 7,8 pontos e 1,2 assistências em 28,5 minutos de jogo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.