Alonzo Adams/AP
Alonzo Adams/AP

Westbrook faz 7º 'triple-double' seguido, mas Thunder cai para o Rockets

Armador errou bola no último lance do jogo e não evitou tropeço

O Estado de S.Paulo

10 de dezembro de 2016 | 10h38

Não há quem consiga parar Russell Westbrook, só a própria individualidade dele. Com a bola debaixo do braço e carregando sozinho o Oklahoma City Thuder na NBA depois da saída de Kevin Durant, o armador fez seu sétimo 'triple-double' seguido na noite de sexta-feira, mas errou a última bola e viu seu time perder para o Houston Rockets por 102 a 99, em Oklahoma City.

Desde Michael Jordan, em 1989, ninguém alcançava sete jogos seguidos fazendo dois dígitos em três estatísticas. Agora, Westbrook só vê à frente dele o lendário Wilt Chamberlain, que anotou nove em março de 1968.

Até sexta, os seis triple-doubles seguidos de Westbrook tinham significado vitória para o Thunder. Diante do Rockets, ele anotou 27 pontos, pegou 10 rebotes e deu 10 assistências, mas errou o lance decisivo. Bateu bola até arriscar de três e mandar longe da cesta, a seis segundos do fim.

James Harden, outro que está se especializando em triple-doubles, fez 21 pontos, deu 12 assistências, mas pegou um rebote a menos do que o necessário: nove. O armador fechou a partida com nove arremessos errados de três pontos e 17 no total. 

Mesmo assim, viu o Rockets chegar à sua 16ª vitória, a quinta seguida, em 23 partidas. Com essa campanha, o time é o quarto do Oeste, à frente do Thunder, o sexto, que tem 14 vitórias em mesmo número de jogos.

O único brasileiro presente ao confronto foi Nenê, que teve atuação destacada. Em apenas 14 minutos de quadra, fez 11 pontos, pegou três rebotes e deu um toco pelo time de Houston.

OUTROS JOGOS

A noite toda, porém, foi muito boa para os jogadores brasileiros. Em Los Angeles, dois deles se enfrentaram e o Phoenix Suns, de Leandrinho, levou a melhor sobre o Lakers, de Marcelinho Huertas, por 119 a 115.

Leandrinho começou no banco de reservas, mas entrou para fazer 21 pontos, acertando cinco bolas de três pontos. Huertas também não foi mal, com 12 pontos e três assistências para o Lakers. Lou Williams foi o melhor da partida, com 35 pontos para o time da casa.

Ao perder a quinta partida seguida, o Lakers se vê em nono no Oeste, com 10 vitórias e 15 derrotas - campanha negativa, portanto. O Suns vai ainda pior, apesar da sétima vitória. São 16 derrotas no total.

Lucas Bebê não fez pontos, mas também não tentou. Sem nenhum arremesso em 21 minutos, o pivô brasileiro foi importante ao colher oito rebotes e dar um toco para ajudar o Toronto Raptors a vencer o Boston Celtics por 101 a 94. Com 16 vitórias, o time canadense é o segundo do Leste.

Fica atrás só do Cleveland Cavaliers, que venceu o mesmo número de partidas, mas jogou duas a menos. Na noite de sexta, LeBron James fez 27 pontos e se tornou o nono maior cestinha da história, Kevin Love 28 e Kyrie Irving outros 23 na vitória por 114 a 84 sobre o Miami Heat. 

Confira os resultados desta sexta:

Charlotte Hornets 109 x 88 Orlando Magic

Cleveland Cavaliers 114 x 84 Miami Heat

Boston Celtics 94 x 101 Toronto Raptors

Milwaukee Bucks 110 x 114 Atlanta Hawks

Oklahoma City Thunder 99 x 102 Houston Rockets

Minnesota Timberwolves 90 x 117 Detroit Pistons

Dallas Mavericks 111 x 103 Indiana Pacers

Los Angeles Lakers 115 x 119 Phoenix Suns

Sacramento Kings 100 x 103 New York Knicks

Acompanhe os jogos deste sábado:

Washington Wizards x Milwaukee Bucks

Orlando Magic x Denver Nuggets

Indiana Pacers x Portland Trail Blazers

Cleveland Cavaliers x Charlotte Hornets

Chicago Bulls x Miami Heat

Memphis Grizzlies x Golden State Warriors

Houston Rockets x Dallas Mavericks

San Antonio Spurs x Brooklyn Nets

Utah Jazz x Sacramento Kings

Los Angeles Clippers x New Orleans Pelicans

 

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.