Yao Ming tem carreira ameaçada por fratura no pé esquerdo

Yao Ming tem carreira ameaçada por fratura no pé esquerdo

Pivô chinês, de 2,26 m, sofre com sua quarta fratura nos últimos quatro anos com o Houston Rockets, na NBA

29 de junho de 2009 | 20h14

Uma das maiores estrelas do basquete mundial começa a ter sua carreira ameaçada. O pivô Yao Ming, de 2,26 m, ainda não se recuperou de uma fratura no pé esquerdo, o que pode lhe custar a participação na próxima temporada da NBA pelo Houston Rockets, e até sua carreira.

De acordo com o médico dos Rockets, Tom Clanton, a fratura é muito preocupante. "No ponto que chegamos, a fratura tem o potencial de deixá-lo de fora da próxima temporada e até ameaçar sua carreira", afirmou.

Como a fratura ainda não foi calcificada, apesar de já fazer quase dois meses, uma junta médica foi reunida para discutir qual procedimento tomar para que a recuperação de Yao Ming aconteça. "Nós estamos trabalhando para ter certeza de que todas as opções sejam analisadas e utilizadas para tratar a lesão, sem que haja a necessidade de cirurgia", comentou Clanton.

Enquanto uma cirurgia para a colocação de um pino é considerada, Yao Ming continua com o pé imobilizado à espera da cicatrização correta. Até o momento, o único alento do clube é que o jogador não reclama de dores e não apresenta inchaço no local da fratura.

Essa é a terceira fratura no pé esquerdo em quatro anos do jogador chinês (neste período sofreu uma fratura na perna direita), que ainda tem contrato com o time de Houston até o final de 2011, mas com a opção de negociação em 2010. Antes da nova lesão, Yao foi sondado pelo Cleveland Cavaliers, que optou pelo veterano Shaquille O'Neal para fazer parceria com o astro LeBron James.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.