1.500 PMs para evitar uma guerra

A Polícia Militar mobilizará 1.500 homens durante a noite e início da madrugada para impedir que gangues que integram as torcidas organizadas de Corinthians (Gaviões da Fiel) e Palmeiras (Mancha Alviverde) transformem o clássico de hoje à noite (21h, no Morumbi), o primeiro pelas semifinais do Paulistão/2003, em uma guerra. Além do forte policiamento dentro do estádio e nas cercanias do Morumbi (200 homens equipados com cassetetes e escudos; e outros 200 com armas de fogo), agentes estarão espalhados por pontos considerados críticos pela PM ? como estações de metrô, ônibus e corredores de acesso ao local da partida. A promessa de paz e de confraternização antes do jogo não ilude ninguém.Leia mais no Jornal da Tarde

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.