4ª divisão do Paulista tem Müller, Viola e Alex Dias em campo

Ex-jogadores aparecem na função de técnico, como Axel e Rogério

Estadão Conteúdo

17 de abril de 2015 | 18h37

Com um novo formato na edição 2015, a quarta divisão do Campeonato Paulista começa nesta sexta-feira com algumas curiosidades e atrações. Entre elas a participação de Müller, ex-ídolo são-paulino e que abandonou a carreira de comentarista para vestir a camisa do Fernandópolis. Quem também promete recuperar a fama é o atacante Viola, 'eterno jogador do Corinthians', de 46 anos, que defenderá o Taboão da Serra.

Não se sabe se esses veteranos vão jogar todas as partidas do seu time. Muito provavelmente que não, mas certamente eles serão as estrelas das equipes. O torneio ainda terá ex-jogadores debutando na função de técnicos.

Aos 49 anos, Müller aceitou convite do time do interior de São Paulo para voltar à ativa. Além dele, o Fernandópolis contratou outros dois jogadores veteranos e experientes: o lateral-direito Maurinho (ex-Cruzeiro), de 36 anos, e Alex Dias, ex-atacante de São Paulo e Vasco, com 42.

A competição ainda terá outros nomes conhecidos do torcedor paulista, em novas funções, de treinadores. Rubens Cardoso, ex-Guarani e campeão mundial pelo Internacional, é técnico do Amparo. Axel, ex-São Paulo, treinará o Jabaquara, e Rogério, ex-Corinthians e Palmeiras, comandará o Taboão da Serra.

DESISTÊNCIA

O campeonato contará com muitos times tradicionais, casos do América de São José do Rio Preto, Portuguesa Santista, Noroeste e São Carlos. Em compensação, antes mesmo do conselho técnico se reunir para determinar as regras do torneio, alguns times anunciaram a desistência, como o União São João de Araras e o XV de Jaú. Todos alegaram problemas financeiros.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPaulistãoMullerViola

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.