Wilton Junior/Estadão
Wilton Junior/Estadão

Cinco motivos para o Palmeiras ter o melhor ataque do Brasileirão

O time alviverde tem o ataque mais positivo do Brasileirão

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

18 de setembro de 2015 | 07h00

Com a goleada de 4 a 1 sobre o Fluminense, no Maracanã, o Palmeiras superou Corinthians, Atlético Mineiro e Santos se tornou o ataque mais positivo do Campeonato Brasileiro com 45 gols marcados. "O Palmeiras sempre vai jogar para a frente e buscar o gol. Qual time conseguiu fazer três gols no Corinthians?", perguntou o técnico Marcelo Oliveira, referindo-se ao empate por 3 a 3 no clássico disputado no Allianz Parque. Veja cinco razões que justificam o poderio ofensivo do Palmeiras e que podem levá-lo ao G-4:

1. Estilo do treinador

O técnico Marcelo Oliveira adota um estilo ofensivo em todos os clubes que dirigiu. Foi essa a principal característica do Cruzeiro, bicampeão brasileiro, que tinha média superior a dois gols por jogo. "O Palmeiras sempre vai ser ofensivo e buscar o jogo. Tivemos algumas desatenções nos últimos jogos, mas sempre fazemos gols", orgulha-se o treinador.

2. Um time cheio de goleadores

Cristaldo, Alecsandro, Barrios, Gabriel Jesus, Dudu e Rafael Marques são jogadores que individualmente sabem fazer gols. Possuem diferenças técnicas entre si, mas foram goleadores por onde passaram. Mesmo com as contusões e suspensões (Dudu ainda tem mais dois jogos fora, por exemplo), a equipe consegue manter o poder de finalização.

3. Defensores também atacam

Os laterais do Palmeiras, especialmente Lucas, vão ao ataque com frequência. Isso significa cruzamentos na área e maiores chances de finalização. Na prática, o Palmeiras atacante não só com os laterais, mas também com meias como Arouca e Robinho

4. A força da bola aérea

O Palmeiras é o clube que mais gols de cabeça fez no Brasileirão. Foram 16 ao todo. Os craques das jogadas aéreas são o argentino Cristaldo, Dudu, Leandro Pereira, Rafael Marques e Vitor Hugo, que marcaram duas vezes. Nos últimos dias, o técnico treinou exaustivamente essa jogada, defensiva e ofensivamente. 

5. O alçapão do Allianz Parque

Quando joga em casa, o Palmeiras é empurrado pela força de sua torcida e ataca o tempo todo. Foi assim no triunfo sobre o Flamengo (4 a 2), no empate diante do Corinthians (3 a 3) e na vitória apertada sobre o Joinville (3 a 2).

Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasBrasileirãofutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.