Márcio Fernandes/Estadão
Márcio Fernandes/Estadão

A contagem regressiva de Ceni: gol e virada épica na Vila em 2009

Série relembra atuação do são-paulino em vitória contra o Santos

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

21 de outubro de 2015 | 09h30

O São Paulo recebe o Santos nesta quarta-feira, no Morumbi, pela Copa do Brasil, e pode pegar como exemplo a última vitória como visitante sobre o rival para se inspirar na busca por vaga na decisão do torneio. Foi em 2009 e com gol de falta de Rogério Ceni que a equipe da capital conseguiu virada espetacular e venceu por 4 a 3 na Vila Belmiro.

O Estado relembra essa partida como capítulo da retrospectiva especial de jogos marcantes da carreira do goleiro tricolor. O resgate histórico antecipa a preparação para a homenagem à aposentadoria de Ceni, que aos 42 anos deve dar adeus ao futebol no fim da temporada.

Naquele 25 de outubro, as duas equipes jogavam pela 31ª rodada do Brasileiro e fizeram um clássico movimentado. Sem Neymar e Kleber Pereira, o Santos começou melhor e ficou na frente duas vezes. Ainda no primeiro tempo o São Paulo conseguiu descontar e no intervalo o placar era de 2 a 2. Na etapa final foi a vez de o time visitante ficar em vantagem, com Jorge Wagner, mas Robson empatou na sequência. 

Aos 23 minutos, Dagoberto sofreu falta na entrada da área e Rogério Ceni se apresentou para cobrar. O goleiro não marcava há mais de um ano e passou boa parte do período em recuperação de uma fratura no tornozelo esquerdo. O são-paulino executou uma ótima cobrança e colocou o time em vantagem. A vitória valeu a entrada no G-4 e a aproximação ao líder Palmeiras, que ficou apenas dois pontos na frente ao fim da rodada.

Até o jogo terminar, Ceni voltaria a ser o personagem de um jogo importante. Aos 30 minutos, saiu da área para tentar cortar um ataque santista e trombou com Jean. O árbitro resolveu expulsar o goleiro no lance e coube a Dênis encerrar a partida. Apesar do desfalque o São Paulo segurou a vantagem.

FICHA TÉCNICA

25/10/2009 - CAMPEONATO BRASILEIRO

SANTOS 3 X 4 SÃO PAULO

SANTOS: Felipe; Pará, Astorga, Adaílton e Triguinho; Germano, Rodrigo Souto, Felipe Azevedo (Robson), Paulo Henrique Lima e Madson (Jean); André. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Renato Silva, André Dias e Miranda; Adrián González (Zé Luis), Jean, Hernanes, Jorge Wagner e Junior Cesar; Dagoberto (Borges) e Washington (Denis). Técnico: Ricardo Gomes.

GOLS: André, aos seis, Hernanes, aos 12, Rodrigo Souto, aos 26, e Washington, aos 38 minutos do primeiro tempo. Jorge Wagner, aos 15,  Robson, aos 21, e Rogério Ceni, aos 23 minutos do segundo tempo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.