'A Copa do Brasil é a Copa do Mundo', diz Hudson no São Paulo

Volante defende prioridade no mata-mata pela má campanha no Brasileiro

O Estado de S. Paulo

23 Agosto 2016 | 16h40

O São Paulo estreia na Copa do Brasil, nesta quarta-feira, contra o Juventude, com a promessa de tratar a competição com extrema importância. O volante Hudson disse nesta terça-feira que o mata-mata nacional, título inédito para o clube do Morumbi, tem o peso de Copa do Mundo, pela pouca probabilidade de conquista da equipe no Campeonato Brasileiro.

"A Copa do Brasil para nós é a Copa do Mundo. É o campeonato onde temos mais chance de ser campeão. No Brasileirão, somos muito irregulares", afirmou o volante. O São Paulo está em 11º lugar no Brasileirão, 13 pontos atrás do líder, o Palmeiras. Nas últimas cinco rodadas a equipe ganhou somente uma partida (contra o Santa Cruz) e promoveu a volta do técnico Ricardo Gomes para a vaga de Edgardo Bauza.

O adversário na estreia é o Juventude, que disputa o Brasileiro da Série C e já foi campeão da Copa do Brasil, em 1999. O São Paulo evita falar em favoritismo, ao lembrar que no ano passado perdeu na estreia no Morumbi por 2 a 1 para o então lanterna da Série B, o Ceará. A classificação só veio com vitória no jogo de volta, em Fortaleza, por 3 a 0. "Sabemos que estamos devendo no Brasileirão, mas contamos com o apoio da torcida tanto no Brasileiro quanto na Copa do Brasil. Ter os torcedores ao nosso lado nos dá uma confiança e um ânimo a mais por jogar no Morumbi", comentou Hudson.

O treinador são-paulino fechou o treino nesta terça-feira pela manhã. A escalação provável tem um mistério no meio-campo. O volante Thiago Mendes cumpriu suspensão no domingo, contra o Inter, pelo Brasileiro, e está liberado para atuar. O time titular deve começar com: Denis, Buffarini, Maicon, Lyanco e Mena; João Schmidt; Kelvin, Hudson, Michel Bastos (Thiago Mendes) e Cueva; Chavez.

Lista dos atletas relacionados:

Goleiros: Denis e Léo

Laterais: Buffarini, Mena, Carlinhos e Bruno

Zagueiros: Maicon, Lyanco, Lugano e Lucão

Volantes: João Schmidt, Hudson, Thiago Mendes e Artur

Meias: Cueva, Michel Bastos, Wesley e Daniel

Atacantes: Kelvin, Chavez, Gilberto, Pedro e Luiz Araújo

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.