Wilton Junior/Estadão
Wilton Junior/Estadão

A dois dias de jogo da seleção, torcida começa a tomar as ruas de São Petersburgo

Brasileiros viajam para ver o confronto entre Brasil e Costa Rica na próxima sexta-feira, às 9h (de Brasília)

Marcio Dolzan, enviado especial / São Petersburgo, O Estado de S.Paulo

20 Junho 2018 | 14h34

Dois dias antes do jogo entre Brasil e Costa Rica, válido pela segunda rodada da Copa do Mundo, a Praça do Palácio, no coração de São Petersburgo, já recebe a movimentação de dezenas de torcedores brasileiros. Apesar do vento forte e da temperatura de 14ºC, eles aproveitaram o céu limpo da tarde desta quarta-feira para conhecer um dos principais pontos da segunda maior cidade da Rússia.

+ Neymar volta aos treinos e viaja com a seleção para o jogo contra a Costa Rica

+ CBF banca cartolas brasileiros na Rússia

+ Especialista sexplicam relação de amor e ódio com Neymar

Vestindo camisas da seleção, gorros e até mesmo cachecóis, os brasileiros já eram a maioria no entorno da Fan Fest. Rafael Galatisabio viajou de São Caetano do Sul com um grupo de sete amigos para assistir aos jogos do Brasil na Rússia. O grupo tem ingressos até a final da Copa do Mundo, e Rafael afirmou estar curtindo o clima da Copa do Mundo, especialmente na cidade do segundo jogo.

"A gente foi a Rostov (onde o Brasil fez sua primeira partida), uma cidade relativamente pequena para o tamanho de Moscou ou São Petersburgo, e o clima estava bem brasileiro, bem animado", contou. Ele fez uma comparação com o Mundial realizado no País, há quatro anos. "No Brasil a gente foi a São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Salvador. Era mais festivo nas ruas, mas a Fan Fest aqui é bem legal, dá um clima mesmo de Copa."

A estreia com empate não diminuiu o entusiasmo do grupo. "O time foi bem no primeiro tempo. Tem que ter tranquilidade agora e deixar o Tite trabalhar, ver se o Neymar participa um pouco mais do jogo. Acho que a seleção está no caminho", considerou Rafael.

 

Enquanto torcedores de outras nacionalidades aproveitavam para assistir ao duelo entre Portugal e Marrocos, os brasileiros aproveitaram a tarde para conhecer os pontos turísticos da cidade. Foi o caso do casal João Paulo e Andrea Cristina Viveiros, que vieram de Natal, no Rio Grande do Norte.

"A gente saiu com a camisa do Brasil e os russos pediram para tirar foto umas 20 vezes. Eles parecem amar muito a nossa seleção", contou João Paulo, que chegou à Rússia com a mulher no sábado. O casal vai assistir ao jogo com a Costa Rica e, na semana que vem, retorna ao Brasil. Antes, ainda irá a Moscou para ver a partida entre Dinamarca e França.

João Paulo disse que ficou frustrado com a primeira exibição da seleção brasileira, mas demonstrou otimismo. "Estávamos muito mais animados antes do jogo da estreia, mas acho que na sexta será 3 a 0 e aí animação volta de novo", declarou.

Em São Petersburgo, o casal foi apenas dois dos muitos brasileiros que fizeram foto com o Rio Neva ao fundo. Outros preferiram se esquentar no sol que tomava conta da Praça do Palácio, rodeada pelo Palácio de Inverno dos czares e pelo Palácio do Estado Maior.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.