A máfia que ameaça o futebol

O milionário mercado do futebol europeu convive hoje com um sério problema, que vem atravessando fronteiras e aborrecendo demasiadamente os dirigentes da Fifa e Uefa: a falsificação dos passaportes de jogadores sul-americanos que atuam na Itália, França, Espanha, Inglaterra, Alemanha e Portugal.Leia matéria completa no JT

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.