Divulgação
Divulgação

'A Ponte Preta está passando de time médio a grande', diz presidente

Equipe de Campinas começa a decidir o título paulista domingo diante do Corinthians

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

28 de abril de 2017 | 12h59

Para o presidente Vanderlei Pereira, a Ponte Preta, finalista do Campeonato Paulista, está passando de time médio a grande. "A Ponte Preta está evoluindo. Desde 2015, estamos conquistando patrocinadores que antes não eram conquistados. Ainda estamos em um nível intermediário, mas a Ponte está passando de time médio a grande", afirma Vanderlei Pereira, em entrevista exclusiva ao Estado.

A maior fonte de receita do clube continua sendo os direitos de transmissão da televisão, em um total de R$ 31 milhões/ano, mas os patrocínios e ações de marketing vêm ganhando espaço nos últimos anos e já respondem por 25% das receitas totais. O clube possui atualmente cinco patrocinadores (Caixa, Pilot, Schin Refrigerantes, AM4 e Minerva Foods) e um fornecedor de material esportivo (a Adidas). O último balanço do clube, aprovado no início deste ano, apontou superávit de R$ 659 mil.

O time também está evoluindo dentro de campo. O oitavo lugar no Campeonato Brasileiro do ano passado foi a melhor colocação da história do clube, que ocupa a 15ª posição no ranking geral de clubes da CBF. Para Giovanni Dimarzio, um dos fatores do crescimento da Ponte Preta nos últimos anos é o apoio da Federação Paulista de Futebol aos clubes do interior.

"O Campeonato Paulista está evoluindo em todos os sentidos, ano após ano. O presidente Reinaldo (Reinaldo Carneiro Bastos, presidente da Federação Paulista de Futebol) tem se esforçado para promover o desenvolvimento dos clubes, contribuindo com a profissionalização e o equilíbrio financeiro. Chegar à final do torneio mais importante do País é um marco para a Ponte Preta", afirma Giovanni.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.