ABC bate Chapecoense, mas segue lanterna na Série B

Time catarinense está nove pontos atrás do Palmeiras

AE, Agência Estado

21 de setembro de 2013 | 18h44

NATAL - Os torcedores do ABC ainda sonham em deixar a zona de rebaixamento e escapar da queda para a Série C, em 2014. Um dos fatores que tem animado a torcida é o desempenho do time atuando no Estádio Frasqueirão, em Natal (RN). Na tarde deste sábado, pela 24.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, mais uma vez o fator casa prevaleceu e o time venceu a Chapecoense, vice-líder, por 2 a 0, com gols de Gilmar e Rodrigo Silva, um em cada tempo.

Com isso, o time potiguar chegou aos oito jogos sem derrota em casa, somando seis vitórias e dois empates. Mesmo com o bom desempenho segue na lanterna, com 20 pontos, enquanto, a Chapecoense, que tem um jogo a menos, permanece com 46 pontos, em segundo, na vice-liderança, mas nove pontos distante do Palmeiras, que neste sábado venceu o Sport, por 2 a 1, e abriu ainda mais na ponta.

O ABC começou o jogo melhor, pressionando e tentando o gol. De tanto tentar, aos 24 minutos, abriu o placar. Após cruzamento na área, Rodrigo Silva tentou o domínio, mas a bola escapou e sobrou para Gilmar, que fuzilou para o fundo das redes. A Chapecoense tomou conta do jogo no final, deixando o contra-ataque aberto para o ABC, que não aproveitou as chances criadas. O segundo tempo voltou com os dois times apertando muito a marcação, sem grandes jogadas ofensivas. Melhor para o ABC, que já tinha a vantagem no placar.

Para garantir o resultado, aos 32 minutos, os potiguares fizeram o segundo. Após cobrança de escanteio, o atacante Rodrigo Silva apareceu livre, no meio da área, e testou com força para o fundo das redes. No final, o time da casa só administrou a vantagem e comemorou mais três pontos na Série B.

O ABC voltará aos gramados nos próximo sábado, quando enfrenta o Boa, em Natal, às 21 horas. Por sua vez, a Chapecoense joga na terça-feira, em Belém (PA), contra o Paysandu, às 19h30.

FICHA TÉCNICA:

ABC 2 X 0 CHAPECOENSE

ABC - Wilson Junior; Thiaguinho, Flávio Boaventura, Lino e Wesley Bigu (Rodolfo Testoni); Daniel Paulista, Somália (Michel Schomoller) e Giovanni Augusto; Alvinho, Gilmar (Leandro Santos) e Rodrigo Silva. Técnico - Roberto Fernandes.

CHAPECOENSE - Rodolpho (Juliano); Fabiano, Rafael Lima, André Paulino e Fabinho Gaúcho; Wanderson, Paulinho Dias, Athos (Fabinho Alves e Soares) e Nenén; Tiago Luis e Bruno Rangel. Técnico - Gilmar Dal Pozzo.

GOLS - Gilmar, aos 24 minutos do primeiro tempo. Rodrigo Silva, aos 32 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Grazianni Maciel Rocha (RJ).

CARTÕES AMARELOS - Flávio Boaventura, Thiaguinho, Giovanni Augusto, Alvinho e Michel (ABC). Fabiano, Tiago Luis (Chapecoense).

RENDA - R$ 21.480,00.

PÚBLICO - 1.939 pagantes (4.003 total).

LOCAL - Estádio Frasqueirão, em Natal (RN).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BABCChapecoense

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.