Abel Braga cobra os jogadores do Flamengo

O técnico Abel Braga prometeu mudanças no Flamengo para a partida desta quarta-feira, contra o Grêmio, pelas quartas-de-final da Copa do Brasil. Mas ele voltou atrás. Anunciou apenas que vai cobrar dos atletas, inclusive do meia Felipe - o astro do elenco -, uma mudança de comportamento. O Flamengo ainda não venceu no Campeonato Brasileiro - para piorar, o ataque não tem marcado gols. Mas na Copa do Brasil o time está bem, o que só reforça a ordem de Abel: essa competição é a prioridade do clube, pois dá vaga na Copa Libertadores da América."A mudança tem de ser psicológica, na mentalidade dos atletas. Confio neles e pretendo dar mais uma chance", afirmou Abel. A única mudança possível no time é a entrada do atacante Negreiros, autor de dois gols nas últimas duas partidas, no lugar de Jean. Além disso, o lateral-direito Rafael, contundido, é desfalque mais uma vez. Com isso, Reginaldo Araújo será mantido como titular.Risco - Depois da derrota para o Vitória por 5 a 1, no domingo, Abel ficou ameaçado no cargo. Mas o diretor-técnico Júnior garante que o treinador ainda está prestigiado. "Ele está firme e forte no comando do clube. Aquele resultado (5 a 1 para o Vitória) não pode mais acontecer. Se ocorrer, teremos de tomar algumas medidas", ameaçou o dirigente, dando a entender que a responsabilidade poderia cair sobre os atletas.Preocupado com a queda de produção de Felipe, Abel chamou o jogador para conversar em separado. Cobrou maior aplicação, ressaltando que ele serve como exemplo para as jovens promessas do Flamengo.Felipe achou a conversa positiva e disse que estava precisando levar uma "bronca". "Foi bom. Tenho capacidade de render mais e de ajudar o clube. Não joguei bem a última partida, mas espero fazer examente o contrário no jogo de amanhã", avisou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.