Abel Braga mostra tranquilidade após vitória do Fluminense no Engenhão

'Sou muito democrático com aquilo que o torcedor pensa', diz, sobre as críticas

AE, Agência Estado

18 de agosto de 2011 | 11h45

O técnico Abel Braga evitou polemizar após a vitória sobre o Figueirense na quarta-feira, por 3 a 0, e disse que sempre esteve tranquilo no comando do Fluminense. Depois da derrota para o Grêmio no último final de semana, a torcida pichou os muros das Laranjeiras pedindo a saída do treinador.

"Sobre cair ou não cair, não me abala em nada. Sou muito democrático com aquilo que o torcedor pensa. Ele que sabe o que é certo ou errado. Eu, no campo, procuro fazer sempre o certo. Mas eu erro, o jogador erra, vocês da imprensa erram", afirmou o treinador.

Para Abel, sua ligação com o Fluminense ficou ainda mais forte após o clube esperar que seu contrato com o Al Jazira terminasse - o treinador acertou com o time carioca em março, mas só assumiu o comando da equipe três meses depois. "Vou ser muito sincero, é muito prazeroso um clube como o Fluminense ter me esperado por três meses. Me marcou muito. Essa espera teve um peso muito grande", finalizou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.