Ricardo Duarte/Inter
Ricardo Duarte/Inter

Abel Braga pede calma para promover mudanças no Inter: 'Não farei loucura'

Técnico destaca falta de tempo para treinar e explica derrota para o América-MG

Redação, Estadão Conteúdo

12 de novembro de 2020 | 08h19

O técnico Abel Braga não teve a reestreia que sonhava no Internacional - derrota por 1 a 0 para o América-MG, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, pela rodada de ida das quartas de final da Copa do Brasil - e pediu calma para fazer o time jogar da maneira que gosta. Contratado na última segunda-feira, teve pouco tempo de treinamento antes da partida desta quarta e será assim nas próximas semanas com compromissos por três competições diferentes.

"Tenho que ser muito mais um gestor. Imagina se eu mudo duas, três peças. Ou quatro, não importa. Eu tenho que entrosar esses caras. Acha que eu vou entrosar como foi ontem (terça-feira)? Com 13 minutos de treino?", questionou o treinador. "Não farei loucura", garantiu sobre mudanças radicais na escalação.

O pouco tempo de trabalho fez Abel Braga optar por manter o padrão que o técnico argentino Eduardo Coudet deixou. Até por ver méritos no que o antecessor construiu. Porém, sem conseguir repeti-lo, se colocou como o culpado pela derrota.

"Eu não me eximo de nada. O responsável pela derrota sou eu. Eu poderia colocar os caras que conheço, fazer duas ou três mudanças. Mas peguei uma equipe em condições boas. Me falaram lá dentro que há dois ou três jogos não corre tão bem. Mas é o tempo. Você precisa ser gerente e administrar. Vou dar esta desculpa até quando? A responsabilidade é minha", declarou.

Na próxima quarta-feira, desta vez no estádio Independência, em Belo Horizonte, o Internacional precisará vencer o América-MG por dois ou mais gols de vantagem para avançar direto às semifinais da Copa do Brasil. Caso ganhe por um de diferença, a decisão será nos pênaltis.

Antes dessa "decisão", o time gaúcho voltará a campo pelo Campeonato Brasileiro, no qual é o líder com 36 pontos. Pela 21.ª rodada, enfrentará o Santos, neste sábado, no estádio da Vila Belmiro, em Santos. Abel Braga já adiantou a ausência de Patrick, que saiu lesionado durante a partida contra o América-MG.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.