Abel Braga revela decepção com o placar sem gols

Abel Braga admitiu que ficou decepcionado com o empate sem gols com o Libertad, em Assunção. O resultado faz com que o Inter necessariamente vença o adversário na próxima quinta-feira, no Beira-Rio, se quiser avançar à decisão da Libertadores sem as cobranças de pênaltis. Qualquer outro resultado dá a vaga aos paraguaios. "Nossa vantagem é jogar em casa, com 50 mil pessoas, só essa. O resultado fugiu um pouco da nossa expectativa, que era marcar um gol", disse Abel, no vestiário, após o jogo. "Não podemos sofrer gol, porque senão temos que fazer dois." A estratégia foi tão nítida que Abel chegou a colocar três atacantes no segundo tempo: Iarley, Rafael (depois Rentería) e Fernandão. No entanto, o time gaúcho pecou nas finalizações. Há forte possibilidade de Abel escalar um time misto no Gre-Nal de domingo, no Beira-Rio, pelo Campeonato Brasileiro. É o primeiro clássico entre os dois rivais em torneios nacionais desde 2004, ano em que o Grêmio foi rebaixado para a Série B.

Agencia Estado,

28 Julho 2006 | 00h12

Mais conteúdo sobre:
libertadores

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.