Marcos de Paula/AE
Marcos de Paula/AE

Abel Braga vê Vasco melhor, mas nega favoritismo de rival na decisão

Duelo entre time cruzmaltino e Fluminense valerá título do primeiro turno do Campeonato Carioca

AE, Agência Estado

24 de fevereiro de 2012 | 11h15

RIO - Depois de o Fluminense se classificar para a final da Taça Guanabara, na noite da última quinta-feira, o técnico Abel Braga afirmou que vê o Vasco hoje como melhor time do Rio, mas negou que o adversário entrará como favorito no clássico deste domingo, às 16 horas, no Engenhão, que valerá o título do primeiro turno do Campeonato Carioca.

O treinador ressaltou que o Fluminense é um time que se acostumou a superar grandes obstáculos nos últimos tempos e, por isso, entrará na decisão para lutar pela taça em igualdade de condições com os vascaínos. A equipe tricolor foi à final após superar o Botafogo nos pênaltis, depois de empate por 1 a 1 no tempo normal, no qual o time alvinegro abriu o placar aos 30 minutos do segundo tempo.

"Não tem essa de favorito não. O Vasco está 100% até agora, mas tudo no Fluminense é sofrido, mas é na dificuldade que realmente a gente busca força, superação quando ninguém acredita. E foi o que aconteceu hoje (quinta). Saímos perdendo, buscamos o empate, depois ficamos em desvantagem nos pênaltis e ganhamos", ressaltou Abel.

O treinador, porém, reconhece que a campanha do Vasco no Carioca é inquestionável. O time chegou à final da Taça Guanabara com 100% de aproveitamento e tentará coroar o seu ótimo desempenho neste domingo. Mas Abel enfatiza que estes números positivos não entram em campo na hora da decisão. "O Vasco está invicto, com sete vitórias, e é o melhor time do Rio atualmente, mas não é por isso que é favorito e vai ganhar o jogo. Todos esses dados não garantem a vitória a eles. A equipe do Cristóvão Borges só não foi bem na estreia da Libertadores, mas tem um ótimo conjunto", opinou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.