Abel critica zaga do Flu e Fred se desculpa por agressão

Apenas em 14.º lugar no Campeonato Brasileiro, o Fluminense entrou de vez na crise ao perder para o Vasco por 3 a 1, no último domingo, no Maracanã, em um jogo no qual o time amargou a sua quarta derrota consecutiva e ainda teve dois jogadores expulsos, sendo um deles o atacante Fred, por agressão ao vascaíno Jomar.

AE, Agência Estado

22 de julho de 2013 | 10h08

Depois do confronto, o técnico Abel Braga admitiu que o resultado foi justo e não poupou críticas ao desempenho do setor defensivo do time tricolor. "As circunstâncias do jogo determinaram esse resultado. Em um clássico, tendo dois jogadores expulsos, com as falhas individuais que apresentamos, não temos que contestar o resultado", analisou.

Em seguida, o comandante alertou que a defesa do Fluminense tem sido muito vulnerável. Foram nove gols sofridos nos últimos quatro jogos. "Faltou (contra o Vasco) nós termos consciência de que nós estamos sofrendo muitos gols de forma muito fácil... Você tem que chegar e tirar a bola da área como todas as equipes fazem", disse.

Já Fred usou as redes sociais para se desculpar com os torcedores tricolores após ter atingido o zagueiro Jomar com um soco quando os dois disputavam a bola pelo alto. "Já fiz isso no vestiário, mas quero pedir desculpas publicamente aos meus companheiros de time e também ao Abel pela minha expulsão de hoje (domingo). Todos sabem que esse foi um lance isolado. Infelizmente, aconteceu. Sei que a posição que ocupo exige muita responsabilidade. Esse fato não se repetirá", prometeu.

Abel reconheceu que o Fluminense se esforçou para superar a desvantagem numérica de jogadores em campo e quase alcançou o empate quando perdia por 2 a 1, mas admitiu o peso que as expulsões tiveram para a equipe. "A torcida confia na equipe. Todo mundo sentiu a força dos torcedores pela festa que fizeram no estádio com nosso primeiro gol. Eles incentivaram bastante, mas infelizmente estávamos com dois jogadores a menos e acabamos sofrendo o terceiro gol", lamentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.