Abel culpa o árbitro pelo fracasso

O Fluminense foi um dos candidatos ao título brasileiro e chegou a estar dez pontos na frente do Palmeiras, mas perdeu a vaga na Libertadores. Foi demais para o técnico Abel Braga. Logo após o fim do jogo, Abel invadiu o gramado e partiu para cima do árbitro Heber Roberto Lopes. ?Você viu aquela falta que você deu??, perguntou sobre o lance que originou o terceiro gol palmeirense. ?Você é um sem-vergonha. Filho da puta?, disse, visivelmente descontrolado.No vestiário, mais calmo, Abel seguiu com as críticas ao juiz.?Ele foi mal-intencionado. No primeiro tempo deu quatro minutos de acréscimo, quando não houve nada. No segundo, só deu três, depois que todos os gandulas sumiram após o terceiro gol. Saiu da minha lista dos bons árbitros do campeonato.? Abel não considerou o resultado justo. ?Por tudo que fizemos, merecíamos ficar com a vaga. O Palmeiras jogou bem, a torcida incentivou, mas o time fez um campeonato digno.? O excesso de jogos também foi apontado como um problema enfrentado pela equipe ao fim da temporada. ?Jogamos 77 jogos no ano. Jogador não é máquina. Muitos dos meus jogadores estavam esgotados ao fim do jogo.? Abel também falou da sexta derrota seguida ? cinco no Brasileiro e uma na Sul-Americana. ?Todos os times tiveram seqüências ruins. O nosso problema é que tivemos uma seqüência ruim em um momento crucial.? Sobre seu futuro, Abel está incerto. ?Vamos ver na terça-feira.?

Agencia Estado,

04 de dezembro de 2005 | 19h41

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.