Lucas Merçon / Fluminense FC
Lucas Merçon / Fluminense FC

Abel diz não temer risco de rebaixamento no Fluminense: 'Vamos sair dessa'

Treinador diz confiar em entrega dos atletas para se afastar do Z-4

Estadão Conteúdo

02 Outubro 2017 | 09h38

A derrota por 1 a 0 para o Grêmio deixou o Fluminense com apenas um ponto acima da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, mas o técnico Abel Braga garantiu que a situação da equipe não o preocupa. Após o revés na partida válida pela 26ª rodada, disputada na Arena do Grêmio, o treinador assegurou que o seu time vai superar o momento complicado e destacou que vem enxergando luta e comprometimento dos seus jogadores.

+ Fluminense perde para a LDU, mas avança na Sul-Americana e pegará o Flamengo

"Pelo que minha equipe apresentou, da forma que jogou, nós vamos sair dessa situação, não tenho dúvida. Os jogadores estão com a faca no dente, estão com brio, estão se dedicando, lutando, dando o máximo e tenho plena convicção que as coisas vão melhorar. É muito simples analisar resultado, mas eu saio feliz com a apresentação do meu time", disse, garantindo não estar preocupado em relação ao risco de rebaixamento.

Ao avaliar a atuação do Fluminense, Abel apontou que o time não teve bom rendimento na etapa inicial, mas viu evolução no segundo tempo, quando a equipe desperdiçou duas chances. O treinador ainda enxergou azar da equipe no gol marcado por Beto da Silva nos minutos finais do jogo para o Grêmio.

"No primeiro tempo, nós não fomos verticais, o que tinha sido treinado, com o Wendel fazendo uma entrada nas costas dos volantes. Tivemos algumas bolas perdidas, a transição não estava boa. No segundo tempo, tivemos uma melhora acentuada, melhorou muito, tivemos as duas melhores oportunidades, uma bola com o Reginaldo e outra com o Dourado, e não fomos felizes. Mas eu não saio chateado, claro que o empate seria mais justo porque o Grêmio estava dando o contra-ataque e estávamos com uma saída com Marcos Júnior. O gol deles também, foi por acaso, tipo de gol que tem peso amargo pela fase que estamos passando", afirmou.

Apesar do discurso otimista de Abel, o elenco do Fluminense foi alvo de protesto da torcida no retorno ao Rio. O time ocupa o 15º lugar no Brasileirão com 31 pontos e voltará a jogar em 12 de outubro, quando disputará clássico com o Flamengo, pela 27ª rodada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.