Cesar Greco/SEP
Cesar Greco/SEP

Abel Ferreira minimiza propostas para deixar o Palmeiras: 'Tenho contrato'

Técnico português teria recebido sondagens do Benfica, mas reafirma compromisso com a equipe palestrina

Redação, Estadão Conteúdo

11 de março de 2022 | 10h05

O técnico Abel Ferreira minimizou os rumores sobre uma possível saída do Palmeiras, após a vitória sobre o São Paulo por 1 a 0, no clássico disputado na noite desta quinta-feira. O treinador português destacou que tem contrato com o time alviverde e reforçou seus laços com o clube e o elenco.

"Em relação à proposta, vocês já me conhecem, e é para a torcida que eu falo diretamente. Já fui muito claro. Tenho contrato", afirmou o técnico. "Sabemos que no futebol, tudo é possível, mas estou aqui para ouvir o que o clube tem para me dizer. Como já falei muitas vezes, tudo no tempo de Deus. Vocês sabem a ligação que tenho com esses jogadores, é uma ligação muito forte. Somos uma família de trabalho, ganhamos juntos e perdemos juntos. Choramos de alegria juntos e de tristeza juntos."

Abel teria sido sondado pelo Benfica, tradicional clube do seu país, e também pelo Granada, da Espanha. Questionado sobre o assunto, ele evitou confirmar as sondagens. "Como eu disse, vou ouvir o que o clube tem a me dizer, e depois tudo a tempo de Deus", declarou, antes de reafirmar: "Lembrando que tenho contrato".

O treinador também comentou sobre a vitória no clássico, sua primeira sobre o técnico Rogério Ceni. "Mantivemos os nossos comportamentos, não fizemos grandes alterações. Acima de tudo, gostei muito dos primeiros 15 minutos. Tivemos muita personalidade e confiança, foi um grande jogo contra uma grande equipe."

Abel reconheceu os méritos do adversário, que foi melhor no segundo tempo. "O São Paulo tem uma equipe com muita qualidade também. O que pudemos ver aqui, e eu já joguei contra muitas equipes no Brasil, é que o São Paulo pode lutar perfeitamente pelo Paulista, assim como foi no ano passado. Fazia tempo que o Palmeiras não ganhava aqui, isso é prova das dificuldades que o Palmeiras teve quando jogou aqui."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolAbel FerreiraPalmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.