Cesar Greco/ SE Palmeiras
Cesar Greco/ SE Palmeiras

Abel Ferreira receberá condecoração do presidente de Portugal por 'honrar história do país'

Técnico do Palmeiras receberá Ordem do Infante D. Henrique após conquistas da Libertadores e Copa do Brasil

Redação, O Estado de S.Paulo

21 de março de 2021 | 23h00

O técnico do Palmeiras, Abel Ferreira, receberá nesta segunda-feira a Ordem do Infante D. Henrique das mãos do presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa. A condecoração é entregue a quem presta serviços que honrem a história, expandam a cultura e valores do país. O treinador palmeirense conquistou em pouco tempo no futebol brasileiro a Copa Libertadores e a Copa do Brasil.

Tal honraria já foi entregue a outros nomes relevantes ligados ao futebol português, entre eles Carlos Queiroz, Simão Sabrosa, Cristiano Ronaldo, José Mourinho, Vítor Baía e Jorge Jesus, que conquistou, pelo Flamengo, o Campeonato Brasileiro e o principal título do futebol sul-americano em 2019. Todos foram responsáveis por grandes conquistas esportivas fora do território lusitano.

Após derrotar o Santos no Maracanã e conquistar a Libertadores, Abel Ferreira revelou e se disse muito honrado por ter recebido uma ligação do chefe de estado português. O evento terá público, uma vez que Portugal segue com restrições devido à pandemia do novo coronavírus.

O técnico do Palmeiras está desde o dia 12 de março em Portugal, aproveitando seu período de descanso entre o término da temporada 2020 e o início da atual. Ainda não há data confirmada para seu retorno ao Brasil, uma vez que o número de voos é restrito e para chegar ao seu país foi necessário recorrer à aeronave da patrocinadora do clube alviverde.

No mês de abril, a equipe palestrina tem grandes desafios que valem taça. O primeiro deles será o duelo com o argentino Defensa y Justicia, pela Recopa Sul-Americana. Em meio à essa disputa, o Palmeiras, como campeão da Copa do Brasil, enfrenta o Flamengo, que conquistou o Campeonato Brasileiro, pela Supercopa do Brasil.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.