Tasso Marcelo/AE
Tasso Marcelo/AE

Abel minimiza fim da invencibilidade do Fluminense

Técnico mira partida contra o líder Atlético-MG fundamental para "recuperar o moral da equipe"

AE, Agência Estado

26 de julho de 2012 | 10h07

O técnico Abel Braga minimizou a perda da invencibilidade do Fluminense no Campeonato Brasileiro. Na noite de quarta-feira, a equipe carioca sofreu a sua primeira derrota na competição ao ser batido por 1 a 0 pelo Grêmio, em Porto Alegre, pela 12ª rodada da competição. O treinador avaliou que o time merecia um resultado melhor no Olímpico e projetou uma recuperação imediata, no próximo domingo, contra o Atlético Mineiro.

"Tivemos 11 jogos de invencibilidade e a derrota iria acontecer uma hora ou outra, mas aconteceu em um momento que nós não gostaríamos e acho que nem merecíamos. Agora é encarar o Atlético-MG domingo e recuperar o moral da equipe. Domingo já voltam pelo menos dois jogadores, temos de estar preparados, porque vai ser um jogo bom", disse Abel.

O atacante Fred também adotou discurso parecido ao do treinador e garantiu que o foco do time é a luta pelo título do Campeonato Brasileiro. "Só estamos pensando no título. A gente vinha numa sequência boa, mas uma hora isso ia acontecer mesmo. Não estamos pensando na invencibilidade, e sim em somar pontos e sermos campeões", disse.

Com a derrota, o Fluminense permanece na terceira colocação no Campeonato Brasileiro, com 25 pontos. Para o duelo com o Atlético-MG, no Rio, o time terá os reforços de Carlinhos e Jean, liberados após cumprirem suspensão. Deco, poupado contra o Grêmio, também deverá voltar ao time.

O Fluminense, porém, voltará a ter desfalques em um confronto direto na luta pelo título do Campeonato Brasileiro. Anderson deixou a partida contra o Grêmio com dores no músculo posterior da coxa e é dúvida, enquanto Edinho cumprirá suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.