Absolvido, Bosco será reserva do São Paulo no domingo

O goleiro Bosco poderá ficar no banco de reservas do São Paulo no clássico com o Palmeiras, domingo, no Palestra Itália. Nesta sexta-feira, o jogador foi julgado e absolvido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).Bosco foi denunciado pela Procuradoria do STJD por ter se recusado a trocar de uniforme na partida entre São Paulo e Ipatinga. Segundo o relato da súmula, o goleiro teria afirmado que não mudaria pois camisa e calção azul com meias pretas não combinariam. Com isso, Bosco foi denunciado no artigo 251 (Reclamar, por gestos ou palavras, contra as decisões da arbitragem ou desrespeitar o árbitro e seus auxiliares) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que prevê suspensão de um a quatro jogos

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.