Acabou a moleza na Libertadores, diz Luxemburgo

A moleza do Santos na Copa Libertadores acabou no Blooming. Após a goleada por 5 a 0 sobre os bolivianos, que garantiu o time na fase de grupos do torneio sul-americano, o técnico Vanderlei Luxemburgo alertou sobre a necessidade dos jogadores de se prepararem para uma disputa muito mais difícil daqui para frente.O Santos entrou no Grupo 8 da Libertadores, ao lado de Gimnasia y Esgrima, da Argentina, Defensor, do Uruguai, e Deportivo Pasto, da Colômbia. "Agora muda. Enfrentamos um time da Bolívia, com a parte técnica deficiente. Agora temos uma fase diferente. Jogando fora, teremos de fazer uma marcação muito eficiente. Todas as equipes vão querer fazer o resultado em casa", analisou Luxemburgo.O técnico mostrou-se preocupado especialmente com a partida de estréia, no dia 22 de fevereiro, contra o Deportivo Pasto, na cidade de Libertad. "Já colhemos algumas informações. Sabemos que a viagem de ida é boa, mas a de volta pode complicar bastante por causa do carnaval. Pode demorar 15 ou 16 horas. Corremos o risco de chegar aqui no sábado [dia 24] de manhã para jogar domingo em Marília [pelo Campeonato Paulista]", contou.Bronca com a torcidaApesar da fragilidade do Blooming, Luxemburgo ficou satisfeito com a atuação de sua equipe, principalmente com a do lateral-esquerdo Kléber, que deixou o campo aplaudido de pé por toda a Vila Belmiro. Mas o técnico ficou indignado com o pouco público - 11.005 pagantes - que foi ao estádio acompanhar a partida válida pela Libertadores."O Flamengo vendeu já 20 mil ingressos antecipados [para sua estréia, contra o União Maracaibo, da Venezuela]. Não sei o que o torcedor do Santos está esperando. Tem que encher a Vila Belmiro, como faz a torcida do São Paulo, a do Atlético-PR. Senão vou pedir para o presidente Marcelo Teixeira pedir para mudar os jogos para São Paulo", ameaçou o treinador.Reforço à vistaO lateral-direito Fágner, que trocou o Corinthians pelo PSV Eindhoven, da Holanda, está perto de ser anunciado como novo reforço do Santos. O jogador não tem como ser inscrito no Campeonato Holandês ou na Liga dos Campeões, já que a negociação foi concluída após o prazo final para o mercado de transferências.O Santos, através de Vanderlei Luxemburgo, já teria entrado em contato com dirigentes do clube holandês para viabilizar um empréstimo até o meio do ano.Revelado pelo Corinthians no Brasileiro de 2006, Fágner, campeão recentemente do Sul-Americano Sub-20 pela seleção brasileira, não quis renovar seu contrato com o clube de Parque São Jorge, que venceu no dia 31 de janeiro. Alegou não ter sido valorizado como deveria.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.