Ação de marketing acaba em pancadaria entre torcedores de Flamengo e Fluminense

Confusão aconteceu durante o intervalo do duelo vencido pelo clube rubro-negro

O Estado de S.Paulo

14 Outubro 2016 | 08h49

A confusão no clássico entre Flamengo e Fluminense não ficou restrita aos jogadores. Em ação de marketing promovida pelos clubes durante o intervalo, torcedores dos dois times participaram de uma disputa de pênaltis que terminou de maneira nada amistosa.

Após balançar as redes, um rubro-negro provocou a torcida do adversário com o dedo indicador em riste sobre os lábios, pedindo silêncio. Incomodado com o gesto, um dos torcedores da equipe tricolor partiu para cima, o empurrando no gramado e desencadeando o tumulto. Ambos foram detidos pela Polícia Militar.

 

Com a bola rolando, o Flamengo saiu vencedor por 2 a 1. O resultado, entretanto, poderia ter sido outro se não fosse a polêmica arbitragem de Sandro Meira Ricci, que marcou impedimento no gol de Henrique para o Fluminense, recuou, validou o tento e, por fim, anulou novamente. O triunfo levou o time dirigido por Zé Ricardo aos 60 pontos, diminuindo para um a diferença em relação ao líder Palmeiras. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.