Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter

Acidente aéreo na Inglaterra mata dois jogadores de futebol

Matt Grimstone e Jacob Schilt defendiam o Worthing United

Estadão Conteúdo

24 de agosto de 2015 | 10h41

O trágico acidente aéreo durante um show de acrobacias no último sábado, na Inglaterra, abalou também o mundo do futebol. Isso porque na noite de domingo o Worthing United, pequeno clube da quinta divisão do país, revelou que dois de seus jogadores estavam entre as vítimas fatais do desastre.

"Os jogadores do Worthing United, Matt Grimstone e Jacob Schilt, estavam entre as vítimas do trágico acidente aéreo de ontem (sábado). Grimbles era nosso primeiro goleiro, com 23 anos de idade, grande talento, quieto e reservado, mas um brilhante jogador com grande potencial. Jacob também tinha 23 anos, era pequeno de estatura, mas um meio-campista ousado", confirmou o clube em comunicado.

No último sábado, um jato realizava um show de manobras na cidade de Shoreham quando perdeu o controle. De acordo com testemunhas, o piloto errou na saída de um looping. O avião, então, caiu em uma movimentada estrada na cidade, atingindo diversos carros, inclusive o de Grimstone e Schilt.

A informação inicial era de sete mortos, mas a polícia britânica já trabalha com a possibilidade de mais de 20 vítimas fatais, além de outros feridos. Os dois jogadores estavam indo para a cidade de Loxwood, onde o Worthing United disputaria uma partida amistosa.

"Neste momento, não sabemos como ou se vamos ser capazes de lidar com isso. O Worthing United é uma família, parte da família do futebol. Estamos comovidos pelo número de homenagens a eles que recebemos de outros clubes parceiros e de torcedores. Nossos pensamentos e preces estão com as famílias e amigos de Matt e Jacob", apontou o clube.

Entre as mensagens de homenagens, estavam a de times da primeira divisão inglesa. Tanto West Bromwich escreveram em suas páginas no Twitter: "Como parte da família do futebol, nós gostaríamos de estender nossas condolências a todos do Worthing United".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.