Ricardo Duarte / Internacional
Ricardo Duarte / Internacional

Acordo com o Inter por Roger permite Lucca enfrentar o Corinthians 

Atacante está emprestado pelo clube paulista, mas poderá entrar em campo contra o ex-clube

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

22 de maio de 2018 | 19h52

Embora ainda pertença ao Corinthians, o atacante Lucca poderá jogar pelo Internacional contra o ex-clube neste domingo, às 16h, no Beira-Rio, pelo Campeonato Brasileiro. Ele foi liberado como parte da negociação do atacante Roger com o clube alvinegro.  

+ Além do Al-Hilal, outro clube árabe mostra interesse em Carille

+ Carille se desculpa com imprensa e admite exagero ao falar de 'possível proposta'

+ Balbuena e Romero podem desfalcar o Corinthians por dois jogos

 

Roger chegou em definitivo ao Corinthians, após rescindir contrato com o clube gaúcho. Ciente do interesse do Corinthians no jogador, a diretoria colorada selou um acordo com o time paulista para que Lucca fosse liberado quando a partida fosse contra o ex-clube. 

 

Assim, Lucca, que tem contrato até o fim do ano que vem, pode repetir algo que aconteceu no ano passado, quando defendendo a Ponte Preta, também enfrentou o Corinthians. Foram cinco jogos e em dois deles, ele marcou gol. A primeira bola na rede foi durante a fase de classificação do Paulistão e o segundo foi durante o Campeonato Brasileiro, no segundo turno.  

 

O corintiano terá a oportunidade de rever mais três jogadores que passaram pelo Corinthians, além de Lucca. O goleiro Danilo Fernandes, o volante Edenílson e lateral-esquerdo Uendel.  Antes do duelo com o Inter, o Corinthians enfrentará na quinta-feira o Millonarios, pela Copa Libertadores, na Arena Corinthians.  

 

Nes terça-feira, o elenco alvinegro realizou mais um treinamento no CT Joaquim Grava, mas o técnico Fábio Carille não mostrou o time que pretende levar a campo. Entretanto, a tendência é que a formação seja com Walter; Mantuan, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel e Maycon; Jadson, Rodriguinho, Pedrinho e Romero.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.