Adãozinho de olho na vaga de titular

Durante toda a temporada Adãozinho foi perdendo prestígio no Palmeiras. Quando foi contratado, indicado por Jair Picerni, a expectativa era de que seria o homem de confiança do treinador. Mas acabou se transformando em mero reserva. Até a partida contra o Brasiliense na terça-feira quando entrou no lugar do suspenso Magrão. O desempenho do jogador de 35 anos foi tão bom, com direito até a um gol de cabeça depois de quatro anos ? que tem grande chance de ser a surpresa no time no quadrangular final do Campeonato Brasileiro. Está ameaçando a vaga de Marcinho.Leia mais no Jornal da Tarde

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.