Adilson Batista diz que Cruzeiro merecia posição melhor

O Cruzeiro fez sua parte neste domingo e garantiu a terceira posição no Brasileirão, graças à goleada por 4 a 1 sobre a Portuguesa, no Mineirão. A colocação classificou o clube para a fase de grupos da Libertadores de 2009, sem a necessidade de disputar a primeira etapa da competição. O técnico do time mineiro, Adilson Batista, parabenizou o elenco pela vaga, mas acha que a equipe poderia ter brigado pela ponta da tabela."Parabéns ao Cruzeiro, ao grupo de jogadores, torcedores. Aquelas pessoas que acreditaram, incentivaram, nunca desistiram", disse o treinador. "Pela qualidade deles (jogadores), acho que nós merecíamos uma colocação melhor. Serve de lição, experiência para que na frente a gente diminua a margem de erro."Caracterizado neste Brasileirão por apresentar um futebol ofensivo, Adilson Batista acha que o estilo do Cruzeiro acabou revelando jovens jogadores. "O Cruzeiro realizou grandes partidas. Nós mostramos um futebol bonito e ficamos contentes com o surgimento de jogadores e o destaque de alguns", disse o técnico, que lamentou o desempenho longe do Mineirão. "Nos jogos fora (de casa) a gente acabou errando e precisamos diminuir isto para o ano que vem."Apesar das críticas e do desejo de ter brigado pelo título, o treinador cruzeirense fez questão de valorizar a conquista da vaga direta para a Libertadores. "Você tem um tempo maior de preparação. É isso que eu acho importante", afirmou. Adilson Batista ainda elogiou o profissionalismo do Botafogo, que venceu o Palmeiras neste domingo e facilitou as coisas para o Cruzeiro, mantendo a equipe paulista na quarta colocação. "A gente tem que enaltecer o comportamento dos profissionais, o Ney (Franco) pelo Botafogo", disse, lembrando o treinador da equipe carioca.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.