Adilson poupa titulares e faz mistério no Vasco

No treino desta sexta-feira, no CFZ, o técnico Adilson Batista poupou os titulares de atividade de campo e comandou um coletivo entre os reservas e os juniores. Na movimentação, o destaque foi o jovem atacante Thalles. Marcou os dois gols do treino.

AE, Agência Estado

21 de fevereiro de 2014 | 20h13

O atleta pode até atuar no jogo de domingo com a Cabofriense por causa da contusão de Everton Costa. Mas Adilson não adiantou a escalação. Thalles está cada vez mais cotado para ganhar uma vaga entre os titulares. No meio da semana, ele fez um gol na partida em que o Vasco venceu o Bangu por 2 a 0.

O Vasco emitiu nota oficial nesta sexta em homenagem a Mario Travaglini, que morreu na quinta-feira, aos 81 anos. Ele foi o técnico campeão brasileiro pelo vasco em 1974. O presidente Roberto Dinamite, que chegou a ser dirigido por Travaglini, lamentou a perda do amigo.

"É uma grande perda. Mario foi um grande profissional e uma grande pessoa. Ele conseguia tirar o melhor de cada atleta, tanto dos mais experientes, quanto dos que estavam subindo, como no meu caso. Sentimos muito pelo acontecido e ele é digno de todas as homenagens do nosso clube", declarou o presidente vascaíno.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolVascoAdilson Batista

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.