Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Adriano e Maicon marcam em amistoso da Inter de Milão

Com dois gols do atacante Adriano e um do lateral Maicon, a Inter de Milão goleou o Bahrein por 6 a 1, em amistoso disputado neste sábado em comemoração ao 50.º aniversário da federação de futebol do país árabe, que ficou muito perto de disputar a Copa do Mundo de 2006 - caiu diante de Trinidad e Tobago na última fase da repescagem. A Inter atuou com time praticamente completo, e Adriano abriu caminho para o massacre, com uma cabeçada em cruzamento de Figo, e marcou o segundo ainda no primeiro tempo, aproveitando um passe longo do português e encobrindo o goleiro. Na segunda etapa, a Inter ampliou com Ibrahimovic, de pênalti, Maicon, em jogada individual, e mais dois gols do argentino Mariano González - Hussain descontou para o Bahrein. "Foi uma experiência positiva, fomos recebidos com muito carinho e foi um bom teste para nossa equipe", afirmou o técnico Roberto Mancini, admitindo, no entanto, que a viagem ao Oriente Médio cansou um pouco os jogadores. O técnico também não se furtou de elogiar Adriano, com quem vem trocando farpas desde o início do ano passado. "Espero que seja um sinal do que veremos no resto da temporada", afirmou Mancini.O brasileiro, que no último dia 23 havia quebrado um jejum de nove meses sem gol ao marcar na vitória da Inter sobre a Atalanta, pelo Italiano, foi alvo de uma cena insusitada: um torcedor barenita, vestido com as cores do Brasil, invadiu o campo para lhe abraçar. Milan campeão Enquanto a Inter fazia uma viagem de arrecadação de fundos ao Oriente Médio, o rival Milan conquistava mais um título, o Troféu Luigi Berlusconi, criado em homenagem ao pai de seu proprietário, o magnata das telecomunicações e ex-premiê Silvio Berlusconi. A equipe venceu a Juventus por 3 a 2, neste sábado, em Milão, e ganhou pela oitava vez o torneio, disputado desde 1991 e sempre contra a equipe de Turim - que já venceu outras oito vezes. Inzaghi abriu o placar para o Milan, mas Nedved empatou ainda no primeiro tempo. Na etapa final, Del Piero virou para os visitantes, mas Seedorf tornou a empatar em seguida. E, quando a disputa de pênaltis parecia certa, o jovem atacante francês Willy Aubameyang, que havia acabado de entrar, marcou de cabeça o gol da vitória. Dos brasileiros do Milan, apenas dois estiveram em campo: o lateral Cafu, que foi substituído por Simic no segundo tempo, e o atacante Ricardo Oliveira, que entrou no lugar de Inzaghi e pouco fez durante os pouco mais de dez minutos que esteve em campo.

Agencia Estado,

06 de janeiro de 2007 | 16h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.