Adriano é operado e deve desfalcar a Roma por um mês

O atacante brasileiro Adriano foi submetido a uma cirurgia, nesta terça-feira, por conta de uma fratura no ombro direito, segundo um comunicado oficial divulgado pela Roma. A contusão aconteceu na vitória no clássico com a Lazio, por 2 a 1, em partida disputada na última quarta-feira e válida pela Copa da Itália.

AE, Agência Estado

25 de janeiro de 2011 | 18h04

De acordo com o clube italiano, o jogador precisou ser operado "devido à persistência da dor, à instabilidade articular remanescente e ao risco de reincidência". Não foi estabelecido o tempo de recuperação, mas, de acordo com a imprensa local, o atacante deve ficar longe dos gramados por cerca de um mês.

Adriano agora voltará ao trabalho de fisioterapia, pelo qual já vinha passando, para tentar reduzir o tempo de afastamento. No entanto, o jogador deve ficar de fora da primeira partida da Roma pelas oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa, diante do Shaktar Donetsk, no dia 16 de fevereiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.