Adriano pede ao time: 'Não podemos perder a cabeça'

Imperador reconhece má fase do São Paulo e pede para companheiros se concentrarem no Palmeiras

Redação,

11 de abril de 2008 | 01h06

O atacante Adriano lamentou a derrota do São Paulo para o Audax Italiano na Copa Libertadores por 1 a 0, resultado que complicou a situação do time. O Imperador espera que o tropeço não interfira no rendimento no clássico do próximo domingo contra o Palmeiras, no Estádio do Morumbi, pelas semifinais do Campeonato Paulista. Veja também: São Paulo perde e se complica na Copa Libertadores O Palestra Itália tem condições de sediar o segundo jogo da semifinal? Quais times estarão na final do Campeonato Paulista? Serviço: para quem vai ao jogo no Morumbi "Não podemos perder a cabeça. Essas coisas [derrota no futebol] fazem parte da vida", afirma Adriano em entrevista coletiva no Estádio Nacional, em Santiago (CHI). "Nem sempre a gente vai sair dos jogos com vitória. É verdade que não estivemos bem contra o Audax, mas futebol é imprevisível." Para Adriano, a vitória sobre o Palmeiras será fundamental para elevar o ânimo do grupo, abalado pela briga entre Carlos Alberto e Fábio Santos. "Agora temos de manter a tranqüilidade. Domingo temos um jogo muito importante. Nós temos de levantar a cabeça para buscar a vitória." LECO DISPARAO vice-presidente de futebol do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, criticou o time após a derrota no Chile. "Nosso futebol não está no nível dos altos investimentos que fizemos na temporada. Essa derrota é surpreendente. Esperávamos sair do Chile classificados."

Tudo o que sabemos sobre:
São Paulo FCAdriano

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.