Adriano retorna à seleção para amistoso contra Portugal

O atacante Adriano, da Inter de Milão, está de volta à seleção brasileira. Em boa fase novamente na Itália, onde marcou gols nas últimas quatro partidas por seu clube, o jogador foi convocado pelo técnico Dunga para o amistoso do Brasil contra Portugal, dirigido por Luiz Felipe Scolari, no dia 6 de fevereiro, no Emirates Stadium (estádio do Arsenal), em Londres. Essa é a primeira vez que Adriano é chamado por Dunga, que assumiu o comando da seleção após a eliminação nas quartas-de-final da Copa do Mundo. Apesar de ser a novidade na lista de Dunga, Adriano já pode ser considerado um veterano em seleção brasileira. O atacante já participou de 40 jogos e marcou 29 gols. Suas melhores fases na equipe nacional aconteceram na Copa América, em 2004, e na Copa das Confederações, em 2005 - em ambas as competições, o jogador se destacou com boas atuações e gols decisivos. O ano de 2006 não foi bom para Adriano. Em baixa na Inter de Milão, o atacante chegou à Copa do Mundo fora de forma e foi muito criticado pela eliminação brasileira para a França. Depois do Mundial, a má fase continuou, o que gerou até o seu afastamento da equipe italiana. Só no final do ano que as coisas melhoraram e culminaram agora com a convocação. Quem também volta à seleção é o atacante Fred, do Lyon, que não jogou contra a Suíça por causa de uma lesão que o tirou dos gramados por cerca de dois meses. Em seis jogos até o momento no comando do Brasil, Dunga ainda está invicto. São cinco vitórias - Argentina, País de Gales, Al-Kuwait, Equador e Suíça - e um empate na estréia contra a Noruega, em Oslo. O triunfo por 3 a 0 sobre os argentinos, em setembro, aconteceu no Emirates Stadium, o mesmo que sediará o confronto contra a seleção de Portugal. Confira a lista de convocados: Goleiros Hélton (Porto) Júlio César (Inter de Milão) Laterais Adriano Correia (Sevilla) Maicon (Inter de Milão) Gilberto (Hertha Berlim) Daniel Alves (Sevilla) Zagueiros Alex (PSV Eindhoven) Juan (Bayer Leverkusen) Lúcio (Bayern Munique) Luizão (Benfica) Meio-campo Dudu Cearense (CSKA Moscou) Edmílson (Barcelona) Tinga (Borussia Dortmund) Elano (Shakhtar Donetsk) Gilberto Silva (Arsenal) Kaká (Milan) Diego (Werder Bremen) Atacantes Robinho (Real Madrid) Rafael Sóbis (Betis) Ronaldinho Gaúcho (Barcelona) Adriano (Inter de Milão) Fred (Lyon) Atualizado às 15h49

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.