Adriano volta, e Inter derrota Genoa pela Copa da Itália

A Inter de Milão sofreu no tempo regulamentar, mas conseguiu vencer o Genoa por 3 a 1, na prorrogação, e avançou às quartas-de-final da Copa da Itália. A rival na próxima fase será a Roma, mesma adversária das quatro últimas finais da competição, com duas vitórias de cada equipe. O jogo desta terça-feira marcou a volta de Adriano ao time milanês, depois de um mês longe dos gramados. O atacante brasileiro teve papel importante no resultado da partida. Primeiro, quando perdeu um pênalti aos 21 minutos da primeira etapa; depois, quando abriu o placar, aos 30 da segunda etapa.Assim que balançou as redes com uma cabeçada, após cruzamento de Maxwell pela esquerda, o atacante foi substituído pelo sueco Zlatan Ibrahimovic. Apesar do pênalti perdido no início, o brasileiro foi aplaudido pelo público no estádio Giuseppe Meazza, em Milão.A torcida da Inter não teve muito tempo para comemorar. Quatro minutos depois do gol de Adriano, Rossi aproveitou uma falha do zagueiro argentino Samuel, e chutou sem chances para o goleiro Toldo. O empate por 1 a 1 levou a partida para a prorrogação.No tempo extra, a Inter de Milão sobrou, e construiu a vitória com mais dois gols. O primeiro saiu aos 10 minutos, quando Esteban Cambiasso empurrou para as redes após conclusão de Ibrahimovic. Cinco minutos depois, o sueco mostrou-se novamente decisivo e fez o terceiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.