Sebastian David/ Montevideo Wanderers
Sebastian David/ Montevideo Wanderers

Adversário do Corinthians, Wanderers chega em baixa e repleto de desfalques

Equipes se enfrentam nesta quinta-feira, às 21h30, na arena em Itaquera, no jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana

João Prata, O Estado de S.Paulo

24 de julho de 2019 | 15h33

O Corinthians terá pela frente na Copa Sul-Americana um adversário modesto e repleto de desfalques. O Montevideo Wanderers vem a São Paulo com cinco baixas, além de ter negociado recentemente seu artilheiro, o atacante Rodrigo Pastorini.

As equipes se enfrentam nesta quinta-feira, às 21h30, na Arena Corinthians, no jogo de ida das oitavas de final do torneio. O Wanderers terminou o primeiro turno do Campeonato Uruguaio na sexta colocação. Atualmente, está disputando uma espécie de competição amistosa antes do segundo turno, chamada de Torneio Intermedio, de apenas sete jogos. A equipe perdeu os dois jogos iniciais. 

Para piorar, no jogo contra o Corinthians, a equipe uruguaia não contará com o goleiro Mauro Silveira, o lateral Maximiliano Araújo e o volante Francisco Ginella convocados para a seleção uruguaia, que disputará os Jogos Pan-Americanos em Lima.

Também não terá os recém-contratados, o lateral Axel Müller e o meio-campista Adrián Colombino, pois não foram inscritos na Sul-Americana. A ausência mais sentida, no entanto, será de Rodrigo Pastorini, transferido para o Nacional.

O técnico Roman Cuello, do Wandereres, disse que andou assistindo aos últimos jogos do Corinthians e acredita que dá para jogar de igual para igual. "Temos de tratar de ter a posse de bola o máximo que pudermos e pressioná-los. Temos equipe para estar a altura. Eles também possuem deficiências", afirmou.

"Vimos sete partidas do Corinthians. O time tem potencial ofensivo muito grande. É um time que não fica com a bola sem necessidade. Que espera e sabe pressionar. Não sofre muito. É um grande desafio para nossa equipe. Marcar um gol logo é fundamental. A diferença para a gente é muita. O Bruno Méndez aqui era titular absoluto e lá está procurando espaço", complementou. 

TREINO SECRETO

Para a partida, o Corinthians não contará com Bruno Méndez, convocado para a seleção uruguaia. Também não terá Gustagol, que se recupera de problema muscular na coxa direita. O técnico Fábio Carille fechou o treino do time nesta quarta-feira, mas a escalação deve ser a mesma do empate com o Flamengo no domingo pelo Campeonato Brasileiro.

A tendência é que o Corinthians entre em campo com: Cássio; Fagner, Manoel, Gil e Danilo Avelar; Gabriel, Junior Urso e Sornoza; Pedrinho, Vagner Love e Clayson.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.