Advogado propõe que La Coruña multe goleiro brigão

Como resposta disciplinar, clube aplicará uma multa de R$ 14 mil ao jogador por dar um soco no companheiro

Efe,

25 de janeiro de 2008 | 16h01

O advogado instrutor do caso aberto pelo Deportivo La Coruña contra o uruguaio Gustavo Munua propôs, nesta sexta-feira, uma multa de 5.361,80 euros (cerca de R$ 14 mil) para o goleiro por sua agressão ao israelense Dudú Aouate. O jogador, que também foi condenado pela Justiça a seis meses de prisão que serão substituídos por uma multa de 3.600 euros (cerca de R$ 9,5 mil), foi informado nesta sexta-feira da decisão tomada pelo advogado, informou o clube através de seu site. A multa proposta pelo advogado está prevista no Regulamento Geral Disciplinar, Anexo V, do Convênio Coletivo vigente para a temporada 2007/2008. O clube acrescenta que a falta em que o uruguaio incorreu "foi qualificada de agressão física muito grave a um companheiro tipificada no artigo 6.3 com a concorrência de atenuante do artigo 3.2 do mesmo Regulamento citado", que faz referência ao "arrependimento público que mostrou Gustavo Munúa".

Tudo o que sabemos sobre:
La CoruñaCampeonato Espanhol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.