Agência denuncia doping no futebol inglês

A UK Sport, agência governamental que regulamenta os eventos esportivos no Reino Unido, denunciou neste sábado que, nos últimos três meses, dois jogadores do futebol inglês foram flagrados no exame antidoping. A entidade não revelou o nome dos envolvidos, dizendo que isso é responsabilidade da federação que controla o esporte.As substâncias encontradas nos dois casos foram cocaína e ecstasy. Usando o argumento de que essas drogas não favorecem a atividade esportiva, a Federação de Futebol Inglesa se negou a revelar o nome dos envolvidos. Tratou apenas de dizer que esse resultado é positivo, pois apenas uma minoria foi flagrada - no total, 272 jogadores, de todas divisões britânicas, passaram pelo exame no último trimestre.Um outro caso foi lembrado pela UK Sport. É o do zagueiro Rio Ferdinand, do Manchester United, que se recusou a fazer o exame antidoping e, sob suspeita, poderia ser suspenso por até 2 anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.