Divulgação/Paranoá Esporte Clube
Divulgação/Paranoá Esporte Clube

Volante Agenor, ex-Atlético-GO e Ponte Preta, morre em acidente de carro

Com passagens por Brasiliense e Gama, jogador de 38 anos perdeu controle do veículo, bateu em uma moto e os dois motoristas não resistiram aos ferimentos

Redação, O Estado de S.Paulo

15 de outubro de 2019 | 07h06

O volante Agenor, de 38 anos, morreu na noite desta segunda-feira em um acidente de carro, na cidade de Planaltina, Distrito Federal. O jogador, que teve passagens por Ponte Preta, Santo André, Atlético-GO, entre outros, perdeu o controle do veículo, se chocou com uma moto e não resistiu aos ferimentos. O motorista da motocicleta também morreu.

De acordo com testemunhas, Agenor estava dirigindo pela ponte do córrego Mestre D'Armas, em Planaltina, quando perdeu o controle do automóvel, atravessou a pista, se chocou com a moto e capotou. Ele morreu ainda no local. Uma carreta chegou a bater nos dois veículos, mas o motorista não se feriu.

O condutor da moto era Wemerson de Oliveira Dias, de 27 anos, que assim como Agenor, não resistiu aos ferimentos e morreu. Ele chegou a ser levado para o Hospital Regional de Sobradinho, mas teve uma parada cardiorrespiratória. 


Agenor Figueiredo Santos iniciou a carreira no Brasília e teve passagens por diversos clubes, entre eles, Brasiliense, Gama, Formosa, Atlético-GO, Ponte Preta, América-MG e Santo André, onde fez parte do time campeão da Série A-2 do Campeonato Paulista de 2016. Seu último clube foi o Planaltina, equipe da segunda divisão do Campeonato Candango. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.