Ian Langsdon/Efe
Ian Langsdon/Efe

Agente de Ibrahimovic é multado por ofensas a presidente da Fifa

Mino Raiola chamou entidade de criminosa e Joseph Blatter de ditador demente

Agência Estado,

08 de abril de 2013 | 12h38

ZURIQUE - A Fifa multou e advertiu nesta segunda-feira o agente do atacante Zlatan Ibrahimovic por causa de ofensas à entidade e ao presidente Josep Blatter. Mino Raiola, empresário do jogador do Paris Saint-Germain, comparou a Fifa a uma organização mafiosa.

Raiola foi multado em 6 mil francos suíços por ter usado "linguagem ofensiva" ao criticar a entidade. Ele afirmou que o prêmio Bola de Ouro era "politicamente corrupto" ao justificar a ausência de Ibrahimovic entre os primeiros colocados na lista anunciada no início deste ano - o sueco ficou em 10º, enquanto Lionel Messi faturou a honraria.

Irritado com a premiação, o empresário ainda chamou Blatter de "ditador demente", e ainda atacou o atual mandatário da Uefa, Michel Platini. O francês foi chamado de "chefe da máfia". Nem a entidade e nem Platini se manifestaram sobre as declarações de Raiola.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolfutinterFifaIbrahimovicagente

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.