Gonçalo Júnior / Estadão
Gonçalo Júnior / Estadão

Agora assessor, Zé Roberto promete facilitar trabalho de Roger no Palmeiras

Novo técnico será apresentado nesta quarta-feira; lateral será assessor técnico a partir de janeiro

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

28 Novembro 2017 | 21h02

Agora na função de assessor técnico, Zé acredita que poderá contribuir com o novo treinador, Roger Machado, que será apresentado oficialmente nesta quarta-feira, na Academia de futebol, como novo técnico do Palmeiras. “Por eu conhecê-lo e conhecer o grupo, serei um ponto de equilíbrio no sentido de passar coisas positivas aos jogadores e ao treinador.”

+ Tropeços na temporada reduzem meta de premiação do Palmeiras

+ Tabela do Campeonato Brasileiro 2017

Os dois voltam a trabalhar juntos depois de pouco mais de quatro anos, pois Zé Roberto foi dirigido por Roger, que era auxiliar no Grêmio. Os anos foram 2012 e 2013. “Vai facilitar muito porque o conheço há muito tempo, ele era da minha geração. Trabalhei com ele no Grêmio, quando joguei dois anos e meio lá. Pude perceber o potencial que ele poderia ter desde o início, até porque trabalhou com vários treinadores e tirou um pouquinho de cada. Luxemburgo, Felipão...”, afirmou Zé Roberto em sua entrevista coletiva de despedida, nesta terça-feira, na Academia de Futebol.

O jogador recém-aposentado avalia que Roger está mais maduro. “Ele chega ao Palmeiras como um treinador mais maduro, que vai agregar muito ao clube”, afirmou.

Roger tem no Palmeiras a terceira oportunidade em um dos grandes clubes do país. Antes do Palmeiras, ele passou por Grêmio e Atlético-MG. O técnico também trabalhou no Juventude e no Novo Hamburgo, ambos do Rio Grande do Sul.

Mais conteúdo sobre:
Zé Roberto Roger Machado Palmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.