Agressor de técnico é condenado

O equatoriano Joselo Rodríguez foi condenado a seis meses de prisão e ?multa? de um centavo de dólar por causa de tentativa de homicídio contra o técnico da seleção de futebol do Equador, o colombiano Hernán Darío ?Bolillo? Gómez, em maio. O motivo da briga foi a convocação de Dalo, filho do ex-presidente do Equador, para a seleção sub-20, que participou do Mundial da categoria, em julho.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.