Paul Ellis/AFP
Paul Ellis/AFP

Agüero faz quatro e Manchester City massacra o Leicester no Inglês

Líder não toma conhecimento de rival e aplica 5 a 1 em jogo no Etihad Stadium

Estadão Conteúdo

10 de fevereiro de 2018 | 17h42

Sergio Agüero destruiu o Leicester neste sábado. E, com quatro gols do atacante argentino, um deles com direito a um erro bizarro do goleiro Kasper Schmeichel, o Manchester City goleou o adversário com facilidade, por 5 a 1, no Etihad Stadium, pela 27.ª rodada do Campeonato Inglês.

+ Com gol de Kane, Tottenham bate Arsenal em clássico com público recorde no Inglês

+ Neymar decide e Paris Saint-Germain supera o Toulouse no Campeonato Francês

A tranquila vitória em casa aproximou ainda mais o time do técnico Pep Guardiola do título da competição. Soma agora 72 pontos, 16 na frente do vice-líder Manchester United, que encara o Newcastle no domingo. Já o Leicester permaneceu com 35, em oitavo.

Ainda sem contar com Gabriel Jesus, recuperando-se de contusão, Guardiola formou o seu ataque com Bernardo Silva, Agüero e Sterling. E funcionou. Logo aos três minutos, De Bruyne cruzou e Sterling abriu o placar.

A partida parecia controlada para o time mandante quando, aos 24 minutos, o zagueiro Otamendi deu um passe errado. O centroavante Vardy, então, roubou a bola, driblou o marcador e bateu cruzado para empatar.

A partir daí, porém, contando sempre com o apoio de De Bruyne, Agüero liquidou o duelo. Logo aos três do segundo tempo, o meia deu outra assistência e o argentino completou para as redes. E, apenas cinco minutos depois, após novo passe do belga, o atacante chutou cruzado e Schmeichel não conseguiu defender.

Mas o goleiro cometeria um erro ainda mais crasso aos 32: após receber recuo, Schmeichel foi passar para o zagueiro e entregou a bola nos pés de Agüero, que deu um sutil toque por cobertura para ampliar.

E, já no fim do duelo, sacramentando o massacre, o argentino arriscou de fora da área com força - a bola ainda bateu no travessão antes de entrar. Foi o seu 21º gol na competição, assumindo a vice-artilharia ao lado de Salah - Harry Kane lidera com 23.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.