Paulo Pinto/São Paulo FC
Paulo Pinto/São Paulo FC

Aguirre contesta críticas a mudanças no São Paulo e diz ter 'dúvidas boas'

Treinador diz ter visto grande entrega por parte dos atletas na vitória sobre o Santos, e que se sente tranquilo para continuar fazendo 'testes'

Matheus Lara, O Estado de S.Paulo

21 de maio de 2018 | 11h00

O técnico Diego Aguirre diz ter "dúvidas boas" em relação a uma formação ideal para o São Paulo. Há mais de dois meses no time, ele passou a ser algo de críticas pelas constantes mudanças no time.

Aguirre celebra atuação do São Paulo, mas contém empolgação por invencibilidade

Após a vitória por 1 a 0 sobre o Santos, no domingo, ele se "explicou". "Não é que troco de time a toda hora. Tem atleta que jogou todas partidas. Eu troco alguns. Os que me dão certeza estão sempre em campo. Mas (os jogadores) têm de conquistar seus espaços nos treinos. É quando eu os vejo, no dia a dia. O rendimento em campo é o que define a continuidade."

O treinador diz ter visto uma grande entrega por parte dos atletas diante do Santos, e que se sente tranquilo para continuar fazendo "testes" no time. "Tenho muitas opções e ainda preciso ser justo com quem ainda não teve tantas chances. São dúvidas boas, que me dão tranquilidade."

Aguirre citou alguns nomes que atuaram contra os santistas para exemplificar sua análise da partida. "A experiência de Nenê e Diego Sozua é muito importante pois transmite liderança. O Everton jogou muito bem, Marcos Guilherme também. Se precisasse falar de um a um, seriam coisas boas. Foi um esforço tremendo e tivemos jogador que saiu com cãibra de tanto que se entregou (Marcos Guilherme). Era um jogo que seria o céu ou o inferno para nós. A entrega foir maravilhosa."

Tudo o que sabemos sobre:
São Paulo Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.