Aguirre exalta atuação do Atlético-MG e minimiza vaias no Independência

Diego Aguirre deixou o gramado do Independência satisfeito com a atuação do Atlético Mineiro no segundo jogo da semifinal do Campeonato Mineiro. Nem mesmo as vaias de parte da torcida incomodaram o treinador, após a vitória por 2 a 0 sobre o URT, no sábado.

Estadão Conteúdo

24 de abril de 2016 | 11h40

Aguirre foi criticado por causa da suposta demora em fazer as substituições no Atlético. "Faz parte do futebol que o torcedor queira trocar qualquer um para qualquer um. O jogo estava controlado e fizemos os gols. As críticas são naturais, pela paixão, pela vontade de ganhar que tem o torcedor. Mais uma vez, ao longo da minha carreira, transformei críticas em elogios e a aplausos", declarou.

Com o triunfo, após o empate por 2 a 2 no jogo de ida, o Atlético se garantiu na final do Estadual. Agora espera o vencedor o duelo entre Cruzeiro e América-MG, que se enfrentam neste domingo.

"Foi uma boa vitória, merecida e tínhamos falado semana passada que estava começando uma etapa de definição e, mais uma vez, o time mostrou sua qualidade e conseguiu uma vitória importante que nos coloca na final", declarou o treinador.

Antes da decisão, o Atlético terá outro jogo complicado pela frente. Vai encarar o Racing na quarta-feira, fora de casa, pela ida das oitavas de final da Copa Libertadores. E, depois da vitória sobre o URT, o elenco atleticano já passou a pensar no rival argentino.

"O time do Racing é muito experiente, com jogadores de muita qualidade, que já passaram futebol europeu. Temos que fazer nossa parte, jogar bola e errar pouco porque é um rival difícil, mas vamos com boa expectativa e, seguramente, faremos um grande jogo", projetou o meia argentino Dátolo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.