Ailton Silva substitui Geninho e assume São Caetano

O São Caetano decidiu apostar numa solução caseira, e que já deu certo no passado, para tentar escapar do rebaixamento no Paulistão. Na tarde desta quarta-feira, a diretoria do clube acertou com o técnico Ailton Silva para ser o substituto de Geninho, que deixou o cargo após a derrota para a Ponte Preta pela 11ª rodada do campeonato.

AE, Agência Estado

13 de março de 2013 | 16h37

Ailton Silva se apresentou ao elenco e já comandou o primeiro treinamento na tarde desta quarta-feira, pensando na estreia contra o Palmeiras, no próximo domingo, no Estádio Anacleto Campanella, pela 12ª rodada. O treinador ficará até o fim do Paulistão, mas, dependendo do desempenho, o vínculo pode ser prorrogado para a Série B do Brasileiro.

"Venho acompanhando não só o São Caetano, mas também vários jogos do Paulistão. Sei que a missão é dura, tenho essa consciência, mas é possível, pois não tem nada sacramentado. Não podemos mais adiar essa reação", afirmou Ailton Silva, que substituiu Emerson Leão no ano passado e por muito pouco não levou o São Caetano à elite do Campeonato Brasileiro, terminando a Série B em quinto lugar, com os mesmos 71 pontos que o quarto colocado Vitória - ficou atrás no número de vitórias (21 contra 20).

Sem vencer desde a estreia, quando bateu o Atlético Sorocaba fora de casa, o São Caetano é o lanterna no Paulistão, com apenas cinco pontos. Diante da fraca campanha, Geninho resolveu pedir demissão e deixou o cargo na última terça-feira. Agora, a luta para evitar o rebaixamento está nas mãos de Ailton Silva.

Mais conteúdo sobre:
futebolPaulistãoSão Caetano

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.